Especialista dá dicas de liderança para manter equipe engajada e motivada

 In Notícias Selecionadas, Sem categoria

Equipe desmotivada gera improdutividade. Para especialista, a chave do sucesso do negócio está na liderança que resulta no engajamento da equipe

Isso não acontece só no Brasil. Pesquisa realizada consultoria Gallup estima que apenas 1/3 dos profissionais dos Estados Unidos estejam realmente engajados em seus trabalhos. E a mesma pesquisa ainda aponta que a falta de motivação tem um custo anual de aproximadamente US$ 350 bilhões.

Na opinião do professor e especialista em vendas, José Ricardo Noronha, os resultados só acontecem com a união de lideres e colaboradores. “A construção de resultados passa pela valorização e entendimento pleno dos pontos fortes, talentos e até mesmo os pontos de melhoria dos profissionais. E isso só é possível com a proximidade dos líderes com seus liderados”.

Acha difícil se tornar um grande líder e inspirar sua equipe? Noronha listou cinco iniciativas que farão toda a diferença e resultarão em engajamento e motivação. Veja as dicas.

 

Dê autonomia
A autonomia é algo valorizado entre os profissionais. Noronha explica que quanto menor a autonomia para a execução de um trabalho, menor será a motivação e o engajamento do profissional. Por outro lado, quanto mais empoderamento para seus profissionais, maior o engajamento e motivação por parte deles.

 

Estabeleça vínculos
Crie laços com sua equipe, isso só é possível quando você conhece os valores, sonhos e propósitos de seus liderados. Implante uma cultura que privilegie um feedback mais frequente e genuíno possível. “Mostre que você se importa com eles”, enfatiza o especialista.

 

Defina metas que possam ser alcançadas.
Elas devem ser de fato específicas, mensuráveis, atingíveis e relevantes no tempo estabelecido. “Um exemplo prático: ao invés de colocar pressão extrema em cima do que precisa ser feito pelos vendedores de sua empresa para atingirem suas metas, crie em conjunto com eles metas que tenham estes cinco componentes: específicas, mensuráveis, atingíveis, relevantes e com tempo estabelecido”, explica José Ricardo Noronha.

 

Aprendizado sempre
Fomente uma cultura de aprendizagem contínua e celebre os grandes aprendizados, pois são eles os responsáveis pelo desempenho, eficácia e produtividade de vendas da sua empresa. Foque na educação de alta performance.

 

Aposte no valor
Por último e não menos importante, fuja do modelo tradicional de gestão de vendas apenas baseado em métricas e indicadores de alta performance. Tenha um alinhamento no propósito de existência e dos valores da empresa e dos seus profissionais. Isso faz com que eles se sintam motivados e que o trabalho tem um valor grandioso, que vai além dos lucros. Lembre-se que um dos maiores motivos que levam as pessoas a se desligarem de sua empresa é a sensação de falta de motivação, que se explica, em muitos casos, do distanciamento dos líderes.

 

Fonte: IG – Economia

Start typing and press Enter to search